sábado, 1 de agosto de 2009

Brasil: Radio Nacional da Amazonia...Uma emissora EMC‏



Estaba escuchando a Radio Nacional da Amazônia, 01 de Julio 2009 en internet, y la escuche identificandose como ..."uma emissora EMC "Empresa Brasil de comunicação".com "Madrugada Nacional" ...otra identificacion fue "Radio Nacional AM Brasilia"..ya que antiguamente se identificaba como ..Uma emissora RadioBras".Sabiendo que se escucha en la onda corta en 11780 y tambien en 6185 KHz.Bien, esta es la informacion que consegui.
A rádio da Amazônia, integra o Brasil
A Missão da Rádio é informar o/a cidadão/ã da Amazônia, a partir do diálogo permanente entre a população desta região e a do restante do País, realizando uma comunicação objetiva e adequada às realidades regionais.
Marcello Casal Jr/ABr
O apresentador Airton Medeiros, no estúdio da Rádio Nacional da Amazônia, em Brasília
Uma rádio amazônica
A emissora transmite em Ondas Curtas para a região amazônica, com cobertura de mais de 50% do território nacional. Atinge, potencialmente, 60 milhões de habitantes, da região Norte, além de Maranhão, Piauí, Bahia, Minas Gerais, Mato Grosso, Goiás, entre outros. Foi inaugurada em 1º de setembro de 1977.
Um elo entre culturas
A Rádio Nacional da Amazônia se propõe ser um canal de comunicação popular criando um elo entre as comunidades da Amazônia, valorizando e divulgando a diversidade cultural da região. As pautas nascem das demandas da população amazônica. Com temas que possam subsidiar políticas públicas, promovendo a inclusão social. tomada da pagina da emissora:http://www.radiobras.gov.br/estatico/radio_nacional_amazonia.htmy sobre EMC...em: http://www.ebc.com.br/empresa
Suprir uma lacuna no sistema de radiodifusão com o objetivo de implantar e gerir os canais públicos, aqueles que, por sua independência editorial, distinguem-se dos canais estatais ou governamentais.
Essas são as características das TVs públicas em todos os países onde a comunicação pública é forte com conteúdo diferenciado, complementando os canais privados. No Brasil, embora o regime militar tenha instituído a Radiobrás e um conjunto de emissoras educativas estaduais, nunca houve um sistema público de comunicação que buscasse complementar o sistema privado, dando-lhe mais pluralidade, assegurando espaços para os que não têm acesso às grandes redes, seja para exprimir opiniões ou para veicular suas produções, como é o caso da produção audiovisual independente.A Radiobrás sempre foi uma empresa de comunicação governamental, assim como as TVs educativas são emissoras controladas pelos governos estaduais. Entretanto, na refundação de nossa democracia, os constituintes de 1988 tiveram a preocupação de estabelecer, no artigo 223 da Constituição Federal, que deveria existir complementaridade entre os sistemas estatal, privado e público. Este último, embora mencionado, nunca havia sido regulamentado.Em 2007, um movimento que envolveu amplos setores da sociedade civil, como acadêmicos, comunicadores, cineastas, jornalistas, dirigentes de emissoras de rádio e televisão não-comerciais, assim como grupos e entidades dedicados a refletir sobre a comunicação, culminou no Fórum da TV Pública, liderado pelo então ministro da Cultura Gilberto Gil.
Ao receber a proposta básica deste Fórum a favor da criação de uma televisão pública, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva comprometeu-se com sua implantação. Foi o que fez, em outubro de 2007, ao editar a Medida Provisória 398, depois convertida pelo Congresso na Lei 11 652/2008. Assim foi criada a Empresa Brasil de Comunicação, encarregada de unificar e gerir, sob controle social, as emissoras federais já existentes, instituindo o Sistema Público de Comunicação. Outra missão da EBC, articular e implantar a Rede Nacional de Comunicação Pública.en Wikipedia...A Empresa Brasil de Comunicação (EBC) é uma empresa de economia mista do governo federal do Brasil, criada em 2007 para gerir as emissoras de rádio e televisão públicas federais.http://pt.wikipedia.org/wiki/Empresa_Brasil_de_Comunica%C3%A7%C3%A3oESCUTAR73 de Yimber Gaviria

No hay comentarios:

Publicar un comentario en la entrada